Atividade física em sobreviventes do câncer.

Atividade física em sobreviventes do câncer.

Vocês sabiam que pessoas que tiveram um câncer na infância tem risco maior de morrer quando adultos? O que se pode fazer para reduzir essa maior mortalidade? Esse mês na importante revista Jama oncology um estudo mostrou que a atividade física rigorosa conseguiu fazer que pacientes que sobreviveram a um câncer na infância vivessem mais.

O número de pessoas curadas do câncer aumenta a cada dia. São os chamados sobreviventes do câncer. A medicina procura estudar o que acontece com essas pessoas. Já escrevemos sobre esse importante assunto aqui no site.

A taxa de cura em crianças com câncer felizmente é alta. Porém essas pessoas tem maior risco de morrer quando comparado a população que não teve câncer. As causas de morte nem sempre são relacionadas a câncer. A mortalidade por causas cardiovasculares é maior em sobreviventes do câncer. A incidências de outros tumores ( não relacionados com o primeiro diagnóstico) também é maior.

Mas o que podemos fazer para reduzir essa mortalidade? Pouco se sabe a esse respeito. Esse mês um importante estudo avaliando cerca de 15.500 pacientes que tiveram câncer na infância foi publicado. O objetivo desse estudo era avaliar se a atividade física traria algum benefício para esses pacientes.

O estudo foi conduzido em pacientes tratados em hospitais pediátricos do Canadá e dos EUA entre 1970 e 1999. A prática de atividade física rigorosa por pelo menos 8 anos foi associada com uma redução de 40% da taxa de mortalidade.

Autor

Dr. Volney Soares Lima
CRM MG 33029 / RQE 15235

Médico Oncologista Clínico do Hospital Felicio Rocho, da clinica Oncocentro BH, da Urológica e do IPSEMG

Membro Titular Sociedade Brasileira Oncologia Clinica

 ref https://jamanetwork.com/journals/jamaoncology/article-abstract/2683624

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *