Todos os post com a tag câncer de ovário

Tumores ginecológicos: principais novidades

Tumores ginecológicos: principais novidades

Hoje falaremos um pouco sobre as principais novidades apresentadas no congresso da sociedade americana de oncologia clínica (ASCO) sobre tumores ginecológicos. Em Chicago, no inicio de junho/2017, foram apresentados estudos interessantes referentes a tumores de ovário, endométrio e colo uterino. Alguns desses estudos tem impacto direto na condução dos casos clínicos. Outros trazem esperança de melhores tratamentos em um futuro breve.

Leia Mais

Niraparib: novo tratamento para câncer de ovário

Niraparib: novo tratamento para câncer de ovário

O câncer de ovário surge quando as células normais do ovário, tornam-se anormais e passam a crescer descontroladamente. É o segundo câncer mais comum do trato ginecológico, e é o que mais leva a óbitos dentre eles. O subtipo mais comum é o epitelial, que corresponde a mais de 90% dos casos.

Os fatores de risco mais bem estabelecidos são: raça branca; primeira menstruação precoce ou menopausa tardia; nunca ter engravidado; história familiar de câncer de ovário, mama, endométrio, principalmente naquelas com mutação nos genes BRCA1 e BRCA2.

Dados recentes publicados em uma importante revista médica mostram a atividade de uma nova droga nessa doença que assombra milhares de mulheres mundo afora.

Leia Mais

Câncer de ovário e resistência ao tratamento: novos horizontes

Câncer de ovário e resistência ao tratamento: novos horizontes

O câncer de ovário é o câncer ginecológico que mais mata, muito pelo diagnóstico tardio na maior parte dos casos. O tratamento padrão do câncer de ovário é cirurgia seguida de quimioterapia que tem como as platinas (medicamentes quimioterapicos) como peça chave. Para as pacientes que não respondem de maneira sustentada a este tratamento, pouco temos a oferecer. Mas um grande passo foi dado neste sentido.

Leia Mais

Talco e o câncer de ovário: existe mesmo esta ligação?

Talco e o câncer de ovário: existe mesmo esta ligação?

Na última semana a sentença de um juiz americano movimentou as manchetes e redes sociais quando ele condenou uma grande empresa de cosméticos a pagar uma indenização milionária aos familiares de uma paciente morta com câncer de ovário alegando que o uso do talco fabricado pela empresa seria a causa do câncer da paciente. Mas será que a ciência concorda com o juiz?

Leia Mais

Be-a-bá do câncer de ovário

Be-a-bá do câncer de ovário

O ovário é um orgão do aparelho reprodutor feminino que abriga os óvulos e produz hormônios femininos. O câncer de ovário é a sexta neoplasia mais comum entre as mulheres brasileiras e a terceira neoplasia do aparelho reprodutor feminino.

Noventa e cinco porcento das neoplasias do ovário são originadas de células chamadas epiteliais, e hoje faleremos um pouco sobre estes tumores.

Leia Mais

Câncer de ovário: o tempo para iniciar a quimioterapia pode ser importante

Câncer de ovário: o tempo para iniciar a quimioterapia pode ser importante

Os tumores epiteliais de ovário sâo tumores ginecológicos frequentes. Atualmente a maioria dos casos de câncer de ovário é diagnosticada em uma fase mais avançada da doença. O tratamento cirúrgico é a arma mais importante e já se sabe que a qualidade da cirurgia ( aquela que nâo deixa lesões tumorais residuais visíveis) é um importantíssimo fator prognóstico no câncer de ovário. Após a cirurgia normalmente o paciente precisa fazer tratamento quimioterápico. Porém até o presente momento nâo se sabe qual o tempo ideal para o inicio da quimioterapia.

Leia Mais

Diagnóstico precoce para o câncer de ovário: uma esperança

Diagnóstico precoce para o câncer de ovário: uma esperança

Não é novidade para ninguém que o diagnóstico precoce é a maior arma para a cura do câncer que temos em nossas mãos. No entanto, algumas doenças não têm um programa de exames que permita antecipar o diagnóstico. Para o câncer de ovário esta história parece estar mudando.

Leia Mais

Câncer de Ovário: entenda um pouco

Câncer de Ovário: entenda um pouco

O câncer de ovário é conhecido por ser uma doença de alta letalidade. É a quinta causa de morte por câncer nos Estados Unidos e, apesar dos esforços científicos, continua sendo difícil de ser diagnosticada no seu início e a grande maioria dos pacientes sucumbirá a esta doença.

Conhecida também como uma doença silenciosa, esta neoplasia escapa ao exame ginecológico rotineiro, sendo pouco diagnosticada com o exame físico e tão pouco com a coleta de citologia de colo uterino.

O que fazer então para prevenir esta doença ou minimizar seus efeitos? A análise dos fatores de risco nos auxilia para que possamos fazer sua prevenção.

Leia Mais